quinta-feira, 14 de maio de 2009

Dedução - Vladimir Maiakovski

(Oskar Kokoschka)

Não acabarão com o amor,
nem as rusgas,
nem a distância.
Está provado,
pensado,
verificado.
Aqui levanto solene
minha estrofe de mil dedos
e faço o juramento:
Amo
firme,
fiel
e verdadeiramente.

5 comentários:

Satyagraha with Robertinho disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Satyagraha with Robertinho disse...

Amei o blog como amo o romantismo. Me pegou desprevenido o Nat King Cole e gostei ainda mais. Li pouco pro muito quero saber do seu blog, mas já foi o suficiente para descobrir que é gostoso estar no Velvet.blog Bjos

BAR DO BARDO disse...

maia é feito maya...

Anônimo disse...

Amiable post and this mail helped me alot in my college assignement. Gratefulness you as your information.

Anônimo disse...

ujk m gjn o, [URL=http://www.evansporn.com]evansporn[/URL]. say e, tei gmauiv|nzb lsyuvgn s am vr.